Publicado em 27 Aug 2019

Você sabe o que é oniomania?

Redação

Esse é um o distúrbio comportamental que vai além de ser um shoppaholic ou um viciado em lojas de shopping. Caracteriza-se como um transtorno de personalidade e mental, classificado dentro dos transtornos do impulso. Para o consumidor compulsivo, o que lhe excita é o ato de comprar, e não o objeto comprado. Essa pessoa tem vontade de adquirir, mas não de ter. A maioria dessas pessoas é composta por mulheres, mas todas possuem temperamento forte, são ágeis, dinâmicas, inquietas, perfeccionistas, possuem uma desenvoltura social e cultural maior, são imediatistas e muito inteligentes. Elas têm a tendência a ser mais inteligentes do que a média das outras pessoas. De alguma forma essa vantagem intelectual não é aplicada na vida, porque racionalmente são pessoas que, depois da compra, são capazes de saber que fizeram besteira.

editorial2Conheço algumas pessoas que quando, ficam tristes ou ansiosas, vão fazer compras compulsivamente para se sentir melhor. Sacolas cheias para aliviar o estresse, esquecer as frustrações e fazer uma terapia de compras. O ato de comprar está muito conectado a outras emoções na sociedade, inclusive as negativas. Se para uma pessoa sã já é comum descontar nas compras, imagine para quem sofre com algum transtorno, como depressão ou ansiedade.



Também conhecido como transtorno da compra compulsiva, é um distúrbio comportamental caracterizado por uma obsessão em gastar dinheiro e um desejo insaciável de comprar coisas, normalmente resultando em consequências adversas. Embora a desordem seja frequentemente negligenciada, ela pode deixar as pessoas no caos financeiro - um resultado semelhante aos vícios mais amplamente reconhecidos, como o jogo problemático. muitas vezes um segredo bem guardado com estratégias complexas usadas para esconder os resultados de compras excessivas ...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica