Publicado em 21 Jul 2020

O controle de qualidade na indústria de alimentos

Redação

O controle de qualidade na indústria de alimentos e nos serviços de alimentação é responsável pelas boas práticas de fabricação, que incluem o treinamento dos colaboradores.

Tatiana Matuda – 

Nos últimos meses, aconteceram mudanças no consumo de alimentos, motivadas pelo isolamento social e em resposta à pandemia. Há um aumento no consumo de itens básicos da alimentação porque muitas famílias têm optado por elaborar suas refeições em casa e consumir itens com prazos de validade mais extensos, reduzindo o número de idas aos mercados.

Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Alimentos, o setor é responsável pelo processamento de 58% da produção agropecuária do país, representando o maior segmento da indústria de transformação. Por ser uma atividade essencial, a produção de alimentos não foi suspensa, mesmo com as medidas de combate à pandemia e, por isso, em curto prazo, não existe risco de desabastecimento.

A indústria, entretanto, tem-se adaptado ao novo comportamento do consumidor, buscando novos canais para fidelizar o cliente, valorizando a comunicação sobre a segurança de seus produtos e a divulgação de suas certificações de qualidade, que abrangem desde a homologação de fornecedores de matérias-primas e embalagens, registros, controles de pontos críticos de processo, treinamentos e produto acabado. O controle de qualidade na indústria de alimentos e nos serviços de alimentação é responsável pelas boas práticas de fabricação, que incluem o treinamento dos colaboradores.

Neste momento, deve-se preocupar também com o reforço das medidas de higiene já consolidadas no setor, com maior ate...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica