Publicado em 17 Nov 2020

Reduzir o impacto ambiental da agricultura por meio da biotecnologia

Redação

Como a biotecnologia pode contribuir para práticas agrícolas mais sustentáveis e que geram menos impacto ambiental. Os agricultores que adotam novas tecnologias tendem a operar fazendas mais eficientes. Suas fazendas são mais produtivas. Em geral, o uso produtivo da tecnologia exige que os produtores sejam mais habilidosos em localizar, processar, recuperar e analisar informações, sejam relativas à sua produção quanto sobre o clima, mercado, etc.

Ricardo Hayashi – 

A biotecnologia pode ajudar os agricultores a superar desafios, como proteger as culturas contra insetos, ervas daninhas e doenças, além de criar culturas mais resistentes a grandes variações do clima. Com isso, é possível alcançar uma série de benefícios sem recorrer a produtos e processos prejudiciais ao meio ambiente ou à dependência excessiva da irrigação, contribuindo para práticas agrícolas mais sustentáveis que geram menos impacto ambiental.

Décadas de estudos demonstram que a biotecnologia agrícola é uma tecnologia segura e benéfica que contribui para a sustentabilidade ambiental e econômica. Os agricultores escolhem as culturas biotecnológicas porque aumentam o rendimento e reduzem os custos de produção e obtêm um maior retorno financeiro ao usar práticas agrícolas mais ecológicas.

Segundo especialistas da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), que há 30 anos estudam o melhoramento genético na agricultura, as opções de aplicação da biotecnologia são infinitas e podem cobrir as mais diversas áreas. Na agricultura sustentável, a biotecnologia permite produzir mais comida, c...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica