Publicado em 07 Jan 2020

Nozes e castanhas: a nova galinha dos ovos de ouro do agronegócio

Redação

O consumo de castanhas e nozes no mundo tem aumentado em 6% ao ano, de acordo com o International Nut Council (INC) e o segmento representa apenas 18% do total das exportações brasileiras.

josé

José Eduardo Mendes de Camargo

O agronegócio brasileiro representa um segmento extremamente importante para a geração de riquezas e, portanto, para o desenvolvimento do país. De acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), do IBGE, em 2017 o setor representou mais de 44% do PIB brasileiro.



Dados do Ministério da Agricultura (Mapa) indicam que, nos 20 anos referentes ao intervalo de 1997 a 2017, o Brasil exportou US$ 1,23 trilhões e empregou mais de 30 milhões de pessoas. Somente no ano passado, as exportações do setor totalizaram US$ 102 bilhões e a expectativa é a de que 2019 se encerre com um crescimento de 2% (até agosto deste ano, as exportações derivadas do agronegócio superaram os US$ 64 bilhões, com o envio de mais de 4.000 produtos para terras estrangeiras).

Embora apresente um potencial de crescimento gigantesco - o consumo de castanhas e nozes no mundo tem aumentado em 6% ao ano, de acordo com o Int...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica