Publicado em 02 Oct 2018

Acabe com a mão de obra

Redação

O assunto aqui é o conceito pernicioso que vem junto com esta expressão que herdamos com a Revolução Industrial há um século: mão de obra.

eduardo

Eduardo Moura -

Calma, não me interprete mal. O título acima foi só para chamar sua atenção. Não se trata de fazer apologia do uso desenfreado da tecnologia para reduzir o custo da folha de pagamento.

O assunto aqui é o conceito pernicioso que vem junto com esta expressão que herdamos com a Revolução Industrial, há um século atrás: mão de obra. Vale a pena lembrar aqui a clássica declaração de Konosuke Matsushita (reverenciado fundador da Matsushita Electric, hoje Panasonic) dita em 1988 a um boquiaberto grupo de empresários americanos, mas que ainda hoje ressoa como um alerta veemente para todos nós: “Nós vamos vencer e o ocidente industrializado vai perder: não há muito mais que vocês possam fazer a respeito, porque o motivo da sua falha está dentro de vocês mesmos. Suas empresas foram construídas segundo o modelo de Taylor; pior ainda, suas cabeças também foram. Com seus chefes pensando enquanto os trabalhadores manejam chaves de fenda, vocês estão profundamente convencidos de que este é o modo correto de se fazer negócios. Para vocês, a essência do gerenciamento é retirar as ideias das cabeças de seus chefes e transportá-las para as mãos do trabalhador. Nós estamos além do modelo de Taylor. Os negócios, nós sabemos, são hoje tão complexos e difíceis, a sobreviv...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica