Publicado em 08 out 2019

Os ensaios em embalagens flexíveis

Redação

As embalagens flexíveis são feitas com um filme plástico impresso por um processo chamado flexografia, onde um clichê (borracha) recebe a tinta e transfere a arte da sua embalagem para o filme flexível. Podem ser fornecidas em bobinas para máquinas empacotadoras automáticas e em folhas ou sacos para o empacotamento e solda manual. Pode-se dizer que as embalagens do tipo filme flexível é um invólucro que se acomoda facilmente ao formato do produto que nela contém e atende aos requisitos de acondicionamento do conteúdo. Quando usadas para alimentos, necessitam cumprir a norma técnica em relação aos seus requisitos e os métodos de ensaio das embalagens flexíveis para alimentos.

embalagem2Da Redação –

As embalagens flexíveis combinam o plástico, filme, papel e papel de alumínio com

ideia de fornecer uma variável gama de propriedades de proteção enquanto empregam um mínimo de material. Normalmente, assumem a forma de uma bolsa, forro ou invólucro, sendo definida como qualquer embalagem ou parte de uma embalagem cuja forma possa ser facilmente alterada.



Podem ser usadas para produtos institucionais e de consumo e em aplicações industriais, para proteger, comercializar e distribuir vários tipos de produtos. Segundo os especialistas, agregam valor e comercialização aos produtos alimentícios e não alimentícios, desde garantir a segurança dos alimentos e estender a vida útil até fornecer aquecimento uniforme, proteção de barreira, facilidade de uso, vedação e excelente capacidade de impressão.

Os atributos do ciclo de vida da embalagem flexível demonstram muitas vantagens sustentáveis. A embalagem flexível ...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica