Publicado em 23 mai 2018

Melhoria organizacional e mentalidade empresarial

Redação

Tenho constatado inúmeras vezes que a estrutura de trabalho influencia e determina o comportamento observado na base operacional.

eduardo

Eduardo Moura

Como dizia o Dr. Deming: “Não é preciso mudar. A sobrevivência não é mandatória…” mas, principalmente em tempos de crise, onde se percebe de maneira mais contundente que a sobrevivência do negócio está mais seriamente ameaçada, as empresas buscam a mudança de maneira mais intensa, sentindo que as coisas não podem ficar como estão.

Portanto, é sempre relevante perguntar: “Que aspectos em nossa empresa devem ser mudados? Por onde devemos começar o processo de mudança?”. Bem, as respostas para isso são as mais diversas possíveis, mas vou me concentrar em três caminhos por onde não se deve começar, e depois apontar para um que deveria ser a pedra fundamental de tudo

Em primeiro lugar, não se deve tentar iniciar um processo de mudança organizacional com discursos exortativos e apelos emocionais para a “mão de obra”. Os altos executivos que começam por aí estão assumindo pelo menos três premissas completamente falsas: que o grande fator de sucesso para a mudança está nas mãos do pessoal de chão de fábrica; que esse pessoal sabe exatamente o que deve fazer de diferente em relação ao que sempre fizeram; e que até hoje eles não se propuseram a buscar melhorias porque lhes faltou um estímulo externo por parte da alta direção.

E que estímulo po...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica