Publicado em 02 jul 2019

A caixa preta do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)

Redação

As transações internacionais financiadas pelo BNDES entre 2003 e 2015, em um esquema de contratos sigilosos, aliado à falta de órgãos de fiscalização nos países onde foram realizados os investimentos, foram o ápice da corrupção no país.

editorial2Foi instalada uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Câmara dos Deputados para investigar os contratos internacionais do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O objetivo da CPI do BNDES é investigar contratos firmados pelo banco de fomento entre 2003 e 2015, com ênfase nos acordos internacionais. São projetos em países como Gana, Guiné Equatorial, Venezuela, República Dominicana e Cuba. Empreiteiras brasileiras obtiveram financiamento para obras no exterior. A justificativa para o investimento seriam contrapartidas que colaborassem para o desenvolvimento econômico e social do país.
abq_inscriçãoO evento é gratuito e mais informações no link http://www.abqualidade.org.br/Eventos/home.php?carta_do_presidente
Por exemplo, em depoimento à CPI, o ex-secretário-adjunto de assuntos internacionais do Ministério da Fazenda Rodrigo Toledo Cota atribuiu aos ex-ministros de governos petist...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica