Publicado em 19 Jan 2021

A conformidade obrigatória das embalagens de vidro para alimentos

Redação

Há várias vantagens no uso do vidro como material de embalagem de alimentos e bebidas. Um deles é a impermeabilidade, pois o vidro é impermeável a gases e vapores de umidade. Esta propriedade é importante para todos os alimentos e bebidas e, em particular, para os vinhos e compotas. No caso do vinho, a impermeabilidade o protege de ser contaminado pelos odores do ambiente e de perder as propriedades organolépticas que são importantes para o armazenamento a longo prazo de vinhos de qualidade (principalmente tintos). Outra vantagem é a visibilidade, pois o consumidor pode ver imediatamente a cor do produto antes de comprá-lo. A rigidez garante a estabilidade da forma e do volume do produto tanto sob vácuo (por exemplo, geleias) ou sob pressão (por exemplo, vinhos espumantes). A rigidez também implica que as garrafas de vinho e potes de geleia não sejam deformadas durante o manuseio do transporte e o volume declarado no rótulo seja confiável. A inviolabilidade do vidro é uma característica intrínseca, pois ele não pode ser perfurado por seringas e esta é uma grande vantagem para evitar e prevenir boicotes a produtos e ataques bioterroristas. A embalagem de vidro é a única feita com material puro e mantém intocadas as características de sabor, pureza e qualidade de tudo que é armazenado nela. Ele tem todas estas vantagens em relação a outros materiais, além de ser 100% reciclável e poder ser reaproveitado na decoração. A conformidade obrigatória para as embalagens de vidro envolve as características dimensionais, físicas e de resistência mecânica, os procedimentos de inspeção e critérios de aceitação e rejeição, e as metodologias de ensaio que devem ser observados na produção, movimentação e utilização de embalagens de vidro destinadas ao acondicionamento de produtos alimentícios.

Da Redação – 

Segundo a Associação Brasileira das Indústrias de Vidro (Abividro), o vidro é o único material 100% reciclável e pode ser reutilizado inúmeras vezes, reduzindo impacto no meio ambiente e, por não interagir com o produto, as bebidas e os alimentos colocados em recipientes de vidro podem ser aquecidos e refrigerados sem riscos de contaminação. Igualmente, os alimentos e bebidas acondicionados no vidro necessitam de menos conservantes e estabilizantes e o vidro mantém inalterados o sabor e a qualidade dos alimentos e bebidas ingeridos, preservando também a saúde do consumidor em produtos cosméticos e farmacêuticos.

Diversos frascos de vidro podem ser encaminhados para Bancos de Leite Humano do país, já que é a única embalagem utilizada para o acondicionamento de leite humano. O frasco precisa ter uma boca larga e tampa de plástico, como por exemplo: embalagens de café solúvel, maionese entre outras. Os potes de vidro são esterilizados pelo banco de leite materno e encaminhado às mamães doadoras que irão utilizar os potes de vidro para um armazenamento seguro.

Assim, o processo de sua reciclagem prima pel...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica