Publicado em 13 Aug 2019

Cuidado com a síndrome de Burnout

Redação

Essa síndrome, também denominada do esgotamento profissional, é um distúrbio psíquico que foi descrito em 1974. Caracteriza pelo estado de tensão emocional e estresse crônicos provocados por condições de trabalho físicas, emocionais e psicológicas desgastantes. A síndrome se manifesta especialmente em pessoas cuja profissão exige envolvimento interpessoal direto e intenso.

editorial2O problema está relacionado ao trabalho com sintomas que geralmente ocorre em indivíduos sem história prévia de distúrbios psicológicos ou psiquiátricos. É desencadeado por uma discrepância entre as expectativas e os ideais do empregado e os requisitos reais de sua posição. Nos seus estágios iniciais, os indivíduos sentem estresse emocional e aumentam a desilusão relacionada ao trabalho.



Os profissionais das áreas de educação, saúde, assistência social, recursos humanos, agentes penitenciários, bombeiros, policiais e mulheres que enfrentam dupla jornada correm um risco maior de desenvolver o transtorno. O sintoma típico da síndrome de Burnout é a sensação de esgotamento físico e emocional que se reflete em atitudes negativas: ausências no trabalho; agressividade; isolamento; mudanças bruscas de humor; irritabilidade; dificuldade de concentração; lapsos de memória; ansiedade; depressão; pessimismo; baixa autoestima.

Além disso, dor de cabeça, enxaqueca, c...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica