Publicado em 09 Jun 2020

A conformidade dos sistemas de refrigeração e bombas de calor

Redação

Pode-se dizer que a transferência de calor de compartimentos de baixa temperatura para outros a temperaturas maiores é chamada de refrigeração. Os equipamentos que produzem refrigeração são chamados de refrigeradores e operam segundo um ciclo frigorífico, com um fluido de trabalho dos refrigeradores que são os refrigerantes. Os refrigeradores utilizados com o propósito de aquecer um espaço, fazendo uso do calor de um reservatório mais frio, são denominados bombas de calor. Assim, um sistema de refrigeração (bomba de calor) é a combinação de peças interligadas que contenham fluido refrigerante e que constituem um circuito fechado em que o fluido refrigerante é circulado com a finalidade de extrair e/ou rejeitar calor (isto é, resfriamento ou aquecimento). Já um sistema dividido sistema de refrigeração, ar-condicionado ou bomba de calor incorporando um ou mais circuitos de fluido refrigerante, compreendendo uma ou mais unidades internas construídas em fábrica, fornecendo resfriamento ou aquecimento para o espaço e/ou uma ou mais unidades externas construídas na fábrica. É importante entender a segurança no projeto, na construção, no descarte, na instalação e na operação dos sistemas de refrigeração e bombas de calor.

Hayrton Rodrigues do Prado Filho – 

Para uma substância passar do estado líquido para o gasoso é necessário que lhe seja fornecido calor durante um certo período, até que se atinja a temperatura de sua evaporação. Portanto, ao evaporar, a substância retira calor de um ambiente ou de um corpo. O fluxo de calor sempre ocorre da fonte quente para a fonte fria, logo quanto maior a diferença de temperatura entre as fontes, maior será o fluxo de calor. Assim, é de grande importância que esse transporte de calor se dê de modo eficiente, com um mínimo de perdas.

Os refrigerantes utilizados são o CFC 12 (diclorodifluormetano) – ebulição a -29,8º C (nível do mar); o CFC 22 (monoclorodifluormetano) – ebulição a -40,8º C (nível do mar). Com a substituição progressiva dos fluidos da família CFC estão sendo aplicados refrigerantes alternativos, como o fluorcarbonos parcialmente halogenados (HFC) que contêm, além de flúor, átomos de hidrogênio na molécula; e os hidrocarbonetos não halogenados (HC). O processo de refrigeração, em que o calor e transferido de um ambiente para outro, se dá obedecendo a um ciclo termodinâmico.

Existem alguns perigos potenciais para os sistemas de refrigeração, pois os fluidos refrigerantes, suas misturas e combinações com óleos, água e outros materiais que estão presentes no sistema de refrigeração, de forma intencional ou não, afetam os materiais internos química e fisicamente, por exemplo, devido à pressão e à tem...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica