Publicado em 14 Jul 2020

Três passos para criar resistência na cadeia de distribuição

Redação

Criar resistência nos canais de distribuição é um exercício holístico que envolve muito mais do que um time experiente de logística. Como então construir uma estratégia?

Anne van de Heetkamp – 

Dar-se conta de potenciais fraquezas na cadeia de distribuição antes de que sejam expostas, é um valor crítico. Para qualquer empresa a próxima grande ruptura não necessariamente será uma pandemia. Pode ser algo com o mesmo efeito de devastação, seja em rotas comerciais específicas ou em determinada indústria.

Contudo, a imprevisibilidade de um evento não é desculpa para estar desprevenido. Criar resistência nos canais de distribuição é um exercício holístico que envolve muito mais do que um time experiente de logística. Como então construir uma estratégia? Confira abaixo os três passos.

- Revise as rotas comerciais e faça um levantamento das categorias de risco - Revise rotas, produtos e fluxos de materiais, elencando suas respectivas categorias de risco. Entre estas estão mão de obra, risco inerente ao negócio, comércio global e materiais. Os componentes relevantes a serem revisados nos canais de distribuição incluem países de importação e exportação, locais de manufatura, commodities e matéria-prima. Entender o mercado requer insights relacionados a escassez, locais e flutuações de preço. Não podemos nos esquecer também de tendências ligadas a cibersegurança, corrupção, falsificações e parcerias desvantajosas. Por fim, o risco mais imprevisível, mas não menos esperado, é a natureza, trazendo pandemias, terremotos, furacões, etc.

- Relacione riscos às categorias elencadas - As avaliações de riscos d...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica