Publicado em 28 Jul 2020

A conformidade de um serviço de guincho-socorro veicular

Redação

Desde o surgimento da indústria automotiva, houve a necessidade de se criar mecanismos de serviços para buscar e transportar veículos que não estão funcionando. Com o desenvolvimento tecnológico, os serviços de guincho-socorro veicular também precisaram se aperfeiçoar e buscar novas tendências do mercado. O guincho-socorro veicular pode ser definido como um mecanismo operacional instalado em um veículo de carga adequado, destinado a puxar ou suspender, arrastar (resgatar), rebocar e transportar por intermédio de dispositivo específico de acionamento hidráulico, elétrico, pneumático, mecânico, manual ou composição destes, de um ou mais veículos/ou serviços correlatos como destombamento, desatolamento e apoio ao resgate veicular Uma prestadora de serviços nessa área consiste em transportar veículos enguiçados e seu acionamento pode ser por meio de particulares ou por contrato com seguradoras, que a acionarão a partir dos chamados dos segurados. Os veículos guincho-socorro têm de estar sempre em boas condições, contar com mecânico terceirizado que deve garantir a boa manutenção dos caminhões, sem grandes custos. Para o transporte de carros deve-se investir em guinchos-plataforma. Funcionários competentes garantem a oferta de serviços rápidos a preços acessíveis e ajudam a tornar o negócio competitivo, num mercado que cresce ano a ano. Imprimir nome e telefone da empresa nos guinchos ajuda na divulgação. A frota brasileira de automóveis, cada vez mais avançada tecnologicamente, tem apresentado crescimento apesar de crises econômicas que o país vem enfrentando. Esse fator torna o serviço de guincho um negócio bastante interessante, principalmente em áreas com grande fluxo de veículos e pouca assistência técnica especializada. O mercado da prestação de serviços de guincho está diretamente relacionado ao mercado de veículos automotores. Nesse ramo, o empreendedor deverá conhecer os mercados em que irá atuar. Basicamente será necessário identificar o mercado consumidor, o mercado concorrente e o mercado fornecedor. A demanda por esse tipo de serviço – oferecido diretamente ao cliente final, e via convênios, que podem ser firmados com seguradoras, locadoras de veículos, concessionárias de veículos, revendas, etc. – apresenta um segmento de mercado com crescimento contínuo e bastante amplo. Deve-se entender os requisitos para construção e operação do guincho-socorro veicular, bem como a instalação sobre o chassi do caminhão.

Da Redação – 

Segundo o Sebrae, o negócio de serviço de guincho-socorro veicular está relacionado ao atendimento emergencial e autossocorro. As empresas ou microempreendedores individuais desse ramo oferecem os serviços de remoção de veículos com problemas mecânicos ou elétricos até os locais credenciados para conserto e ainda realizam eventuais atendimentos de pequenos reparos mecânicos. A agitação das cidades, onde o tempo é consumido de forma intensa, permitiram o desenvolvimento de novos hábitos, onde a conveniência e comodidade passam a ter um valor significativo na rotina das pessoas.

O automóvel passou então a representar o símbolo desse novo conceito de vida moderna, não apenas como meio de transporte, mas como símbolo dessa conveniência. Nesse cenário insere-se o negócio e foi-se o tempo em que trafegar em rodovias rumo a qualquer parte representava um transtorno, principalmente se durante a viagem o carro apresentasse uma pane. Para contornar essa situação, foi criado esse tipo de serviço. O serviço de guincho-socorro veicular oferece o atendimento emergencial a motoristas de veículos automotores com dificuldade de locomoção em razão de falhas, tais como: pane seca, mecânica, elétrica, reboque, transporte para ocupantes do veículo e guarda do veículo.

O profissional que presta serviço de guincho não deve ser confundido com mecânico, ou seja, tal profissional tem a função de atender o usuário na sua dificuldade momentânea...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica