Publicado em 04 Feb 2020

Volta às aulas: quais alimentos colocar na lancheira das crianças?

Redação

Lancheiras com bolsos e divisórias permitem o melhor armazenamento da merenda. Uma lancheira organizada melhora a conservação e mantem mais gostoso o lanche para a hora do recreio.

aula2Ana Pallottini

Férias, viagens e mudanças na rotina escolar. Durante este período é comum deixar os hábitos saudáveis de lado. Para as crianças, o momento de volta às aulas pode ser a oportunidade ideal para retomar a boa alimentação ou, até mesmo, iniciar um processo de reeducação alimentar. A composição do lanche infantil deve conter uma fonte de carboidratos, uma de fibras e minerais e uma de cálcio.



Outro ponto que não deve ser colocado de lado é a hidratação, seja com uma garrafinha de água ou sucos naturais, por exemplo, por conta das altas temperaturas do verão. O carboidrato é a principal fonte de energia para o corpo humano.

Um aporte adequado deste nutriente para a criança garante o melhor aproveitamento das atividades no período escolar, concentração e mais disposição para as aulas extras, como natação e karatê, além de mais disposição para brincar. É comum que as cantinas das escolas ofereçam lanches rápidos e nada benéficos ...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica