Publicado em 07 ago 2018

Os ensaios e as inspeções em cestas aéreas e guindastes com cesto acoplado

Redação

O número de acidentes graves gerados por falhas estruturais nesses equipamentos não parece ter reduzido, pois somente no primeiro semestre de 2017 houve diversas notícias sobre graves acidentes com cestas aéreas.

helio

Hélio Domingos R. Carvalho

Em dezembro de 2011 o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) publicou, por meio da Portaria Nº 293, o Anexo XII da Norma Regulamentadora Nº 12 que trouxe uma série de exigências aplicáveis à construção e manutenção de cestas aéreas e a guindastes com cesto acoplado. Além das exigências de projeto e de fabricação, tornou-se mandatória a realização de ensaios e inspeções regulares em cestas aéreas. A revisão posterior no Anexo XII, publicada em setembro de 2016, ampliou a obrigação de se realizar ensaios e inspeções de mesma natureza em guindastes com cestos acoplados.

O principal objetivo do MTE com a publicação do Anexo XII foi reduzir o número de acidentes com equipamentos de guindar para elevação de pessoas e realização de trabalhos em altura, acidentes esses que podem, e geralmente têm, consequências gravíssimas. Apesar de passados quase seis anos desde a publicação do Anexo XII da NR 12 os fatos fazem parecer que os objetivos do MTE ainda não foram alcançados.

O número de acidentes graves gerados por falhas estruturais em equipamentos não parece ter reduzido. Somente no primeiro semestre de 2017 houve diversas notícias sobre g...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica