Publicado em 12 mai 2020

As orientações para um sistema de facility management (FM)

Redação

O termo facility management surgiu na década de 70, nos Estados Unidos, sendo que a oferta desses serviços compreendia um portfólio básico, limitando-se à manutenção e limpeza. Muitos gestores já perceberam que a contratação desse sistema deve ser encarada como um fornecimento estratégico, pois o fornecedor certo é capaz de contribuir com expertise e tendências do mercado. Na era da informação digital, a gestão de espaços e equipamentos deve ser uma tarefa de decisões detalhadamente calculadas, já que as empresas de serviço vão ter que migrar aos novos recursos tecnológicos, como a internet das coisas (IoT). Em consequência, os gestores precisam entender os requisitos para planejar, estabelecer, implementar, operar, monitorar, revisar, manter e prover um sistema de FM integrado e documentado dentro do contexto de gerenciar as atividades e riscos operacionais de uma organização.

Da Redação – 

Deve-se destacar que a extensão da aplicação dos requisitos de um sistema de FM depende do ambiente e da complexidade operacional da organização demandante – sua missão e políticas, da natureza de suas atividades, de seus produtos e serviços, da localização geográfica e das condições em que ela atua. Isso deve ser aplicado à entrega de serviços internos e externos de FM. O plano pode se referir a uma decisão sobre uma entrega de serviços totalmente terceirizada, uma combinação de serviços terceirizados/externalizados e serviços prestados internamente ou uma entrega de serviços totalmente prestados internamente.

Uma organização para ser bem-sucedida deve alinhar todos os planos de entrega de serviços com os objetivos principais da organização demandante. Deve determinar e definir as questões relevantes envolve um processo de analisar, entender e revisar questões fundamentais relacionadas às necessidades e requisitos da organização demandante: o real estado e a estratégia de FM; o conjunto de propriedades; os ativos e sua condição física; o ambiente competitivo; seus geradores de valor (incluindo análise de custo/benefício); quaisquer necessidades de flexibilidade de recursos; risco do negócio e plano de contingência; interdependências operacionais dentro da organização demandante; criticidade da missão de atividades de FM; a disponibilidade e capacidade de opções da cadeia de suprimentos; políticas corporativas (por ex...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica