Publicado em 23 jun 2020

O desempenho de vigotas e pré-lajes

Redação

As lajes pré-moldadas são elementos estruturais de uma edificação com função de disseminar as cargas para as vigas e pilares. São constituídas por vigotas de concreto e lajotas (tavelas) de concreto ou cerâmica. Esse tipo de laje é moldada in loco, ou seja, dentro do canteiro de obras, ou também, podem ser compradas prontas, então são chamadas de pré-fabricadas. As vantagens das lajes pré-moldadas ou pré-fabricadas é que elas conseguem vencer grandes vãos com quantidade mínima de altura, permitem agilidade ao andamento da obra, diminuição das etapas de produção, redução da mão de obra e facilidade na execução. Conheça um método de ensaio para a verificação do desempenho de vigotas e pré-lajes utilizadas em lajes pré-fabricadas unidirecionais e bidirecionais, sob cargas de trabalho, objetivando garantir sua integridade estrutural durante a etapa de concretagem da laje.

Da Redação – 

A indústria da construção civil vem usando de grandes vãos livres com carregamentos variados, o que tem levado à busca por sistemas que ofereçam os mesmos desempenhos dos tradicionais com soluções mais econômicas e racionalizadas. As lajes nervuradas pré-moldadas se inserem nesse contexto, pois apresentam um baixo custo de produção, simples execução e segurança ao usuário.

As lajes maciças apresentam um melhor comportamento estrutural, pois além de trabalhar nas duas direções distribuindo melhor os carregamentos nas vigas de contorno, tem menores deslocamentos. Entretanto, a utilização em grandes vãos leva à adoção de espessuras elevadas, o que aumenta o peso próprio e a torna antieconômica, pois grande parte de sua capacidade resistente é consumida para resistir aos esforços devido ao peso próprio. Para aumentar a produtividade e reduzir custos passou-se a utilizar de nervuras pré-moldadas, compostas geralmente por trilhos ou treliças, nas edificações de pequeno e médio porte, ao invés de outras tipologias como a laje maciça.

Nesse tipo de lajes são empregadas vigotas pré-moldadas (atualmente as mais comuns são as treliçadas) com elementos de enchimento entre as mesmas, podendo ser compostos de blocos cerâmicos (lajotas), bloco de poliestireno expandido (EPS) e outros, solidarizados por uma capa de concreto com armadura de distribuição. As lajes pré-moldadas podem ser aplicadas em edifícios residenciais, comerciais,...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica