Publicado em 03 Nov 2020

Um diferencial para a indústria alimentícia no pós-pandemia

Redação

Os softwares que combinam tecnologias como cloud computing, machine learning e inteligência artificial estão ganhando espaço na atuação das empresas que tentam se adaptar às restrições do mercado devido à crise do vírus chinês. Já existem no mercado um pacote de softwares para auxiliar as empresas a atuarem em meio às limitações impostas pela pandemia, como soluções para realizar atividades remotamente, fora do ambiente fabril.

José Moreira – 

O mercado, modificado pela pandemia, tem exigido uma série de inovações por parte das empresas para manter suas atividades e se sobressair em relação à concorrência. Ao mesmo tempo, busca-se redução dos custos e aumento da produtividade em um período onde as companhias são obrigadas a reduzir o número de pessoas em suas fábricas e estabelecimentos visando atender as recomendações de proteção à saúde de seus funcionários.

Uma pesquisa recente publicada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) apontou que 83% das companhias precisarão de mais inovação para o pós-pandemia. Esse cenário dá a importância que as novas tecnologias terão para indústria alimentícia, principalmente para possibilitar uma atuação remota para atividades de gerenciamento e supervisão sem que haja a necessidade da presença no local para exercer a função.

Dessa forma, softwares que combinam tecnologias como cloud computing, machine learning e inteligência artificial estão ganhando espaço na atuação das empresas que tentam se adaptar às restrições do mercado devido à crise do novo coronavírus. Já existem no mercado um pacote de softwares para auxiliar as empresas a atuarem em meio às limitações impostas pela pandemia, como soluções para realizar atividades remotamente, fora do ambiente fabril.

Entre esses serviços está uma plataforma aberta de IoT que conecta máquinas e infraestruturas ao mundo digital. Por meio dela, é possível desenvol...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica