Publicado em 30 Mar 2021

A amostragem de polpas de minério de ferro

Redação

Uma polpa pode ser definida como o minério de ferro de tamanho máximo nominal <1 mm que é misturado com água, o qual é frequentemente usado como uma forma conveniente para transportar o produto por meio de bombeamento e por gravidade em canaletas ou calhas ou por longas distâncias em tubulações. Os rejeitos das instalações de tratamento de minério a úmido também são descarregados como polpas por meio de tubulações para barragens de rejeitos. Em muitas dessas operações, a coleta de incrementos em pontos de amostragem selecionados é requerida para a avaliação do minério de ferro na polpa. Os processos de polpa de minério de ferro acontecem a partir das escavações das minas, a industrialização e comercialização do ferro. Basicamente, o sistema de extração é feito por equipamentos e máquinas que realizam moagem, separação (de sólidos e líquidos), sedimentação e transporte. E é nesse contexto que as válvulas se aplicam, com a importante missão de promover o controle automático, prevenção da vazão, retenção, pressão e temperatura. Os processos de polpa de minério são altamente corrosivos, por conta do transporte de partículas e a escolha do tipo de válvula é primordial na indústria de mineração. A separação do minério envolve grandes volumes de lama, que precisam ser classificados pela densidade e gravidade específica. Trata-se de um desafio real aos que desenvolvem esse tipo de projeto. A amostragem é uma sequência de etapas de preparação (britagem, moagem, secagem, homogeneização, etc.) e etapas de amostragem propriamente dita (redução da massa de material), ambos suscetíveis a alteração do teor da característica de interesse. Portanto, há a geração de erros de preparação e de amostragem. O processo de amostragem consiste na retirada de quantidades moduladas de material (incrementos) de um todo que se deseja amostrar, para a composição da amostra primária ou global, de tal forma que essa seja representativa do todo amostrado. Em seguida, a amostra primária é submetida a uma série de etapas de preparação que envolvem operações de redução de granulometria, homogeneização e quarteamento, até a obtenção da amostra final, com massa e granulometria adequadas para a realização de testes e/ou análises química e instrumental. Cabe ressaltar que a representatividade referida é válida para parâmetro(s) de interesse (densidade, teor, umidade, distribuição granulométrica, constituintes minerais) definido(s)a priori. E, ainda, que cuidados devem ser tomados para que essa representatividade não se perca, quando da preparação da amostra primária. A amostragem é um processo aleatório, e sua teoria envolve o estudo dos diferentes erros passíveis de ocorrer, tanto na etapa de amostragem propriamente dita como na etapa de preparação. A importância da amostragem é ressaltada, principalmente, quando entram em jogo a avaliação de depósitos minerais, o controle de processos em laboratório e indústria, e a comercialização de produtos. Ressalte-se que uma amostragem mal conduzida pode resultar em prejuízos vultosos ou em distorções dos resultados, de consequências técnicas imprevisíveis.

Os minerodutos são um importante meio de transporte de sólidos, pois representam um transporte econômico e ambientalmente seguro para uma grande variedade de polpas. Em geral os principais minerodutos no mundo são de longa distância, com comprimento em torno de 400 km. Porém outra alternativa de transporte são os minerodutos de curta distância que operam geralmente com poucos quilômetros de comprimento e são projetados para polpas contendo partículas de sólido finas ou grossas. O transporte de partículas grossas torna-se um desafio devido às dificuldades em manter as partículas em suspensão, sendo necessária uma alta de velocidade de transporte o que leva a um elevado índice de desgaste por abrasão.

O transporte de materiais grosseiros quando comparado com partículas de minério de ferro convencionais de longa distância tem-se mostrado ser tecnicamente e economicamente viável. Este tipo de mineroduto é uma opção para o transporte de materiais grosseiros de várias minas para ser entregue em uma planta de concentração única de modo a gerar o concentrado final.

O transporte de minério por meio de dutos vem se ampliando cada vez mais em todo o mun...

Target

Facilitando o acesso à informação tecnológica